Maluma recebe chuva de criticas por música, inclusive de Selena Gomez

Vish! O ano de 2017 não começou nada bem para o Maluma. Mesmo após alguns meses do lançamento da música “Cuatro Babys”, o cantor continua recebendo uma chuva de criticas pela letra. Desta vez quem mostrou sua opinião a respeito do single foi nossa querida Selena Gomez.

“Não é possível que um artista do talhe do Maluma, na plenitude do sucesso, pense em lançar uma canção contra quem são suas principais seguidoras, as mulheres. Faz muito mal a quem realmente faz música e com o talento que ele tem não deve sentir a necessidade de recorrer a estes métodos tão baixos”, disse a cantora, afastada das redes sociais desde o ano passado, segundo informações do Los 40 Colômbia.

As criticas começaram logo após a participação de Maluma no La Voz, o HuffPost  fez duras críticas às letras e à carreira do colombiano. O texto assinado por Yolanda Domínguez chama o jovem de 22 anos de “machista e misógino”

“Um de seus últimos trabalhos, Cuatro Babys, é uma apologia à violência às mulheres e as descreve como meros corpos de intercâmbio e disponíveis ao serviço de desejo sexual ilimitado, sem freio e incontrolável dos homens. (…) Se vocês têm um estômago resistente podem ver o vídeo (aviso: pode causar náuseas, vômitos e mal-estar geral, além de uma sensação de raiva à medida que avança”.

O texto somou mais de 65 mil likes em menos de 24 horas.

E não para por ai, além de Selena Gomez, Maluma também recebeu criticas de seu colega Carlos Vives, com quem já dividiu alguns sucessos, pela mesma questão, mas depois o defendeu, dizendo que Maluma não é o culpado.

“Maluma é meu amigo, mas isso não significa que eu não me dê conta de que ele tem canções muito perversas e textos muito pobres”, disse em em entrevista à revista Semana. “Existem canções muito ruins e eu não consigo acreditar que elas façam sucesso. O reggaeton é prova disso. Não dá pra não perceber que existem canções muito ruins e são exatamente essas que conseguem aparecer mais do que outros artistas que têm mensagens mais amorosas e com mais qualidade”.

“A culpa não é só dele (Maluma), mas da abertura que os meios de comunicação dão pra essas músicas, do valor que eles dão pra esses temas em detrimento dos outros”.

Post a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*